À prova de fogo

Momento decisivo para criptomoedas

evento online e gratuito 4 a 7 de Julho às 19h

Inscreva-se

O que é o IMA (Índice de Mercado ANBIMA)?

Quem investe em renda fixa já está acostumado a acompanhar certos índices que servem tanto como indexadores do rendimento das aplicações como também para o benchmarking do desempenho dos ativos. 

Com a taxa de juros cada vez mais baixa, mesmo o investidor que prefere segurança ao invés de rentabilidade se vê questionando suas aplicações. Mas como analisar o mercado para saber como está a situação do seu patrimônio?

A ANBIMA - Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais como foco na melhoria do mercado financeiro possui índices que devem ser levados em consideração para o investidor em renda fixa, esses índices compõem o IMA - Índice de Mercado Anbima, que é o tema deste artigo. Então fique atento para compreender bem como funciona esse indicador!

A ANBIMA

A ANBIMA é uma associação de entidades do mercado financeiro que tem por objetivo a melhoria do mercado através da auto regulação e defesa de seus interesses. Um dos braços de atuação da entidade é através da informação e educação.

Tendo em vista essa forte atuação educacional e informacional é de sua criação o Índice de Mercado da ANBIMA - IMA.

Índice de Mercado da ANBIMA - IMA

O IMA - Índice de Mercado da Anbima é na verdade um conjunto de índices que tem por base a carteira de títulos públicos federais que são no Brasil os principais ativos de renda fixa.

A família de índices IMA

Fazem parte da composição do indicador IMA os seguintes índices cada um relacionado a um indexador de um título público:

  • O IMA - Geral é composto pelos subíndices como um todo;
  • O IMA - B é relacionado ao título NTN-B que é o título público indexado ao IPCA por isso é conhecido como Tesouro IPCA; Esse índice é subdividido em mais dois:
    • IMA - B 5 que são os títulos com vencimento em até 5 anos;
    • IMA - B 5+ que contém os com vencimento maior que 5 anos;
  • O IMA - C que se relaciona com os títulos atrelados ao IGPM e apesar de não ser mais emitido ainda possui vencimentos em aberto;
  • O IMA - S que é composto de LFT’s que são títulos pós fixados;

Percebe-se que o IMA-B e o IMA-C estão relacionados a inflação, cada um seguindo um indicador.

As carteiras teóricas com os títulos que compõem cada índice são revisadas mensalmente para que o índice seja capaz de refletir as variações nos estoques de títulos que estão no mercado.

Por que o IMA é importante para seus investimentos de renda fixa?

O IMA e seus índices são utilizados como benchmarking ou seja, referência para o desempenho do mercado de renda fixa principalmente no que diz respeito aos fundos de renda fixa.

Além disso podem ser utilizados para a comparação entre o desempenho de outros tipos de investimento.

Os índices que compõem o IMA geral assim como ele próprio são divulgados diariamente no site da ANBIMA.

O bom investidor em renda fixa deve estar sempre atento à análise de desempenho de sua carteira para que possa garantir sempre a preservação do seu patrimônio e até conhecer opções de investimentos mais rentáveis. 

No nosso buscador gratuito de investimentos você tem acesso as melhores opções de renda fixa e variável, não deixe de experimentar!


Você também pode gostar desses artigos

library_booksTodos os artigosVoltar para o topo