Começando a investir agora? A gente te ajuda. Clique aqui para entender mais!

Calculadora: Rendimento da Poupança

Compare o seu investimento com a Poupança

O rendimento da poupança é muito baixo e existem investimentos com a mesma segurança, mas com mais rentabilidade. Use a nossa calculadora e confira!

Compartilhar

Como usar a calculadora?


Na calculadora acima, coloque quanto você quer investir (R$) e por quanto tempo (meses). O sistema fará a comparação entre o rendimento da poupança e outros tipos de investimento.

O gráfico vai mostrar o lucro líquido em tempo real de até três produtos em renda fixa privada e de um título do Tesouro Nacional em comparação com o rendimento da poupança. Os cinco valores mostrados representam o rendimento líquido (já descontados impostos e taxas) de acordo com o tempo e valor que você digitou na calculadora.

Não se assuste se o rendimento da poupança estiver muito abaixo dos outros, ok? Isso acontece porque a poupança NÃO é um bom investimento!

Como é calculada a rentabilidade da Poupança?


A rentabilidade da poupança é calculada de uma maneira peculiar. Se a SELIC (taxa básica de juros) for menor ou igual a 8,5% ao ano, a poupança rende 70% da SELIC + TR (Taxa Referencial). Se a SELIC estiver acima de 8,5% ao ano, a poupança rende 6,17% ao ano + TR.

Em outras palavras, isso significa que ela rende muito pouco. Aqui no Yubb, por exemplo, mostramos investimentos que rendem mais de 100% da SELIC enquanto a poupança rende só 70% (+ TR)! Ou seja, existem muitos investimentos melhores!

Por que a poupanca é ruim?


Você sabia que a caderneta de poupança nem pode ser considerada um investimento? Ao deixar uma quantia na poupança, pode até parecer que você ganhando dinheiro, mas o rendimento é tão baixo que você pode perder.

Isso acontece por causa da inflação. Resumidamente, a inflação é o aumento geral de preços que implica na redução do poder de compra. O rendimento da poupança é tão baixo que pode não superar a taxa IPCA (indicador oficial que mede a inflação no Brasil).

Exemplo: ao invés de comprar uma jaqueta de R$ 100,00, você decide colocar esse valor na poupança. Um ano depois, você tem R$ 110,00 na caderneta e decide resgatar esse dinheiro para comprar a jaqueta. Na loja, você descobre que agora a jaqueta custa R$ 120,00. Ou seja, foi um ganho falso! Parecia que você estava tendo um rendimento, mas o seu dinheiro não acompanhou a inflação e você perdeu poder de compra.

Benefícios de outros investimentos


A maioria das pessoas deixa o dinheiro na poupança por medo de investir em outras aplicações. A verdade é que existem investimentos que têm a mesma segurança da poupança, mas são mais rentáveis.

Os investimentos em renda fixa, por exemplo, são uma ótima opção. O Tesouro Direto - títulos públicos do Tesouro Nacional - tem a garantia do próprio governo federal e já tem uma rentabilidade maior. Os produtos bancários (renda fixa privada) como CDB, LCI, LCA, RDB e etc, são garantidos pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC) e trazem um bom retorno.

Basta usar a nossa calculadora, pesquisar os investimentos que te interessam e (finalmente) sair da poupança!