Viver de renda: saiba como alcançar isso

Viver de renda é o sonho de muitas pessoas, poder “parar de trabalhar” e assim dedicar mais tempo para sua família, hobbies, viagens… 

Mas o que para muitos parece algo bem distante com disciplina, sacrifício e planejamento é algo totalmente possível.

E os investimentos são a chave para a realização desse sonho, diversos ativos podem ser utilizados para formar seu patrimônio e garantir rentabilidade que pague o seu custo de vida, claro, isso só ocorre com empenho e dedicação.

O Yubb preparou esse artigo com o essencial da caminhada para viver de renda para você:

  • O que significa viver de renda?
  • Mentalidade de longo prazo
  • Como se programar para viver de renda?
  • Tipos de investimentos para viver de renda

O que significa viver de renda?

É importante esclarecer antes de tudo o que realmente é viver de renda.

Viver de renda é você ter todo seu custo de vida mensal pago mediante o recebimento de dividendos dos seus investimentos.

Isso significa que sua renda mensal é toda recebida de forma passiva, ou seja, sem você realizar nenhum trabalho para isso.

Para viver de renda é necessário que você alcance uma quantia de patrimônio investido que gere em proventos o que você pretende gastar por mês - lembrando que o ideal é pensar neste valor de forma bastante abrangente para não passar sufoco depois.

Mentalidade de longo prazo

Já já você vai ver na prática estratégias para viver do rendimento dos seus investimentos. 

É essencial que você compreenda que devido a quantidade de patrimônio necessário para gerar a renda passiva esperada para garantir certa qualidade de vida ser um valor alto o investimento para isso costuma ser realizado durante médio/longo prazo.

Claro que isso depende do valor que você pode investir todo mês ou que você já possua para iniciar sua carteira de renda passiva.

Como se programar para viver de renda?

Antes de escolher o investimento que melhor se encaixa na sua estratégia é necessário que você entenda como se programar para viver de renda.

Não é atoa que isso parece distante de nós, requer disciplina e um pouco de estudo, mas é totalmente possível!

Primeiro, você deve calcular qual o seu custo de vida mensal esperado, ou seja, quanto você pretende gastar por mês para que sua renda passiva seja compatível com a qualidade de vida esperada.

Ao saber quanto você pretende receber dos seus investimentos você deve escolher qual tipo de investimento mais adequado ao seu perfil. No próximo tópico trouxemos alguns para você.

Tendo o valor que você pretende receber em mente e o investimento escolhido você deve montar sua estratégia de aportes para alcançar o valor que irá te gerar sua renda passiva.

Assim, você poderá iniciar seus aportes e já planejar o que fazer quando estiver usufruindo do seu esforço!

Tipos de investimentos para viver de renda

Existem diversas estratégias para que você possa receber proventos que te sustentem pelo resto da vida.

Separamos para você algumas opções para te ajudar a decidir por onde começar:

Renda Fixa

Uma das forma de viver de renda para quem busca segurança seria aportando em ativos de renda fixa como: CDBs ou Títulos Públicos.

Os investimentos em renda fixa são considerados os mais seguros pois sofrem menos com a volatilidade da economia.

Isso porém tem um custo, sendo o risco menor, menores também são os rendimentos, sendo assim mais tempo irá demorar para você alcançar um patrimônio expressivo som esses investimentos.

E também, como os rendimentos são baixos você teria que ter um valor muito alto se sua renda mensal esperada for alta.

Ações

Viver de renda com ações é possível principalmente devido a distribuição dos lucros das empresas das quais se torna acionista através de dividendos.

Para isso você deve montar uma carteira com empresas que distribuam bons dividendos e aportar de forma que o valor investido seja suficiente para bancar sua vida sem trabalhar!

É muito importante que você escolha empresas que possuam o indicador dividend yield alto e recorrente!

A vantagem do investimento em ações é que a valorização do ativo pode aumentar seu patrimônio ao longo do tempo e a escolha de boas empresas pode facilitar ainda mais sua aposentadoria antecipada!

A principal desvantagem aqui é a volatilidade do mercado que requer preparação do investidor em momentos de crise ou euforia.

Fundos imobiliários

O investimento em Fundos Imobiliários é um dos mais comuns para quem quer viver de renda. 

Ainda que seja de renda variável é considerado mais um investimento mais tranquilo devido a maior estabilidade de preços.

Como o pagamento dos dividendos é realizado de forma mensal o investidor consegue fazer um controle mais fácil de sua renda passiva.

E também o aumento do patrimônio consegue ser escalado através da utilização do magic number.

Aqui também é interessante que ao escolher os fundos imobiliários você esteja atento ao dividend yield e a taxa de ocupação dos imóveis do fundo.

Existem ainda outros investimentos como fundos de investimentos, conheça bem qual se adequa ao seu perfil. Você pode pesquisar qual se encaixa mais na sua estratégia em nosso site, conheça.


Já está se preparando para sua aposentadoria antecipada merecida? Se fizer o primeiro aporte pode começar a programar sua viagem com a família ou o curso que você nunca teve tempo de fazer. Investir no longo prazo pode te propiciar tudo isso: Viver de renda é possível!

Conte sempre com nossos conteúdos para te ajudar nessa caminhada!

Você também pode gostar desses artigos

library_booksTodos os artigosVoltar para o topo