IBrA: o que é e como funciona esse índice?

Saber analisar o mercado como um todo é fundamental para qualquer tipo de investidor.

Não só de uma empresa em si, mas principalmente do funcionamento de todas elas.

Por isso, saber analisar e entender como funciona o índice IBrA é muito vantajoso na hora de investir.

Portanto, para que você entenda tudo sobre esse índice e sobre como ele pode ser uma ótima fonte de informação, esse artigo será separado em:

  • O que é IBrA?
  • Composição
  • Qual é sua função? 

O que é IBrA?

O IBrA é um índice que significa Índice Brasil Amplo.

É um dos indicadores mais completos da bolsa de valores brasileira (B3), visto que ele reúne ações de todas as empresas listadas ali.

O objetivo é observar o rendimento e o desenvolvimento das companhias e do mercado ao longo do tempo.

Por isso ele pode ser considerado um índice de retorno total, que considera mais do que apenas o rendimento dos investimentos que compõem a carteira, mas também a valorização do preço dos papéis e a distribuição dos dividendos.

Ele não é um índice restrito a um único segmento. É considerado um índice amplo, como os índices setoriais.

Existem, na própria B3, outros 3 índices com essas mesmas características, que são o Ibovespa, Brasil 100 (IBrX 100) e Brasil 50 (IBrX 50).

Composição 

O IBrA é bastante amplo, porém sua composição possui algumas regras. 

Isso é feito para que a análise seja feita da melhor maneira possível e realmente indique qual o cenário brasileiro dentro do mercado a vista da B3.

A primeira regra é a exclusão de ações de empresas que estejam em recuperação judicial ou extrajudicial.

Isso inclui também negócios que estejam passando por uma intervenção ou qualquer situação que seja especial de listagem.

Além disso, as ações são de free float e necessitam ter os seguintes critérios:

  • Ter de negociabilidade uma soma que represente 99% do valor acumulado de todos os índices individuais da B3.
  • Ter uma constante presença em pelo menos 95% em pregão durante um ano.
  • Se tiverem menos de 1 ano, mas mais de 6 meses de listagem, devem ter 95% ou mais de presença em pregão durante esse período.

Na composição do portfólio, podem existir mais ações de uma mesma empresa, mas cada uma delas deve atender aos critérios exigidos pelo IBrA para serem incluídas.

Porém, a participação de uma mesma empresa na composição da carteira não pode exceder 20%. Caso isso ocorra, é necessário que sejam feitos ajustes para corrigir esse problema e que o limite seja respeitado.

Qual é sua função?

O Índice foi criado em 2006, sendo que ele vem acompanhando as ações do Ibovespa em todas as suas crises e grandes altas que ocorreram desde então.

O seu cálculo é feito em tempo real e considera as mudanças nos preços das ações que compõem sua carteira.

O seu grande objetivo é mensurar o modo pelo qual as maiores empresas brasileiras estão performando ao longo do tempo.

Por isso ele oferece uma visão bem ampla do mercado acionário brasileiro, além de possuir critérios que filtram muito bem a qualidade das empresas listadas.

É importante falar que não é possível investir diretamente nesse fundo, sendo necessário procurar algum ETF (Exchange Traded Fund) que simule as condições do IBrA.


Você também pode gostar desses artigos

library_booksTodos os artigosVoltar para o topo