Fundo de fundos: o que é e como investir?

Fundo de fundos é um ativo que tem como objetivo montar um portfólio diversificado, no qual o investimento é feito em outros fundos. São conhecidos pela sigla FOF. 

Através dos FOFs, o investidor tem acesso para investir em diversos fundos de uma única vez. São ativos que apresentam uma exposição ao risco muito baixa, uma vez que os próprios fundos já são menos expostos ao risco. 

E no momento em que o investidor escolhe aplicar seu capital em um fundo de fundos, o leque de ativos aumenta demais, o que aumenta a diversificação, mas por outro lado compromete a rentabilidade.

Tipos de fundos de fundos

O mercado oferece diversos tipos de fundos de fundos, dentre eles:

  • Fundos de renda fixa
  • Fundos multimercado
  • Fundos imobiliário
  • Fundos de ações

Os fundos têm autorização para comprar cotas de outros fundos sem o menor problema. 

Portanto, um FOF é composto por diversos fundos imobiliários, diversos fundos de multimercado, diversos fundos de renda fixa e diversos fundos de ações na mesma carteira.

Isso faz com que o investidor não precisa se dedicar tanto a análise de cada ativo em específico, pois comprando apenas uma cota, terá acesso a inúmeros fundos. 

Sem mencionar o alívio para o investidor de não precisar ficar na mão e depender dos resultados de apenas um gestor de fundo.

Por exemplo, se um dos fundos da cota tem uma terrível performance graças a um trabalho ruim do gestor ou administrador, isso não refletirá no rendimento do FOF como um todo, graças a grande diversificação.

3 benefícios de investir em FOF

1. Segurança

Investir em um FOF diminui e muito a exposição ao risco do investimento, porque é um ativo considerado uma diversificação de outra diversificação.

Isso se deve pelo fato de que os fundos imobiliários, fundos de renda fixa etc, já são diversificados por si só, então comprar vários desses fundos em uma só cota é diversificar em dobro.

Vale salientar que o rendimento não será muito elevado justamente por essa diversificação exacerbada.

2. Volatilidade

Voltando a bater na tecla da diversificação, um FOF apresenta uma pequena volatilidade em seus preços.

O peso de cada fundo no rendimento e oscilação total do capital é pequeno, ou seja, enquanto tem um fundo performando bem, outro está indo mal e vice-versa.

Sem mencionar que alguns FOF possuem fundos de diferentes tipos de mercado, fazendo com que eles não tenham correlação nenhuma.

Isso impede que o valor das cotas sofra uma interferência relevante o suficiente para oscilar os preços.

3. Rentabilidade

Pode-se dizer que os FOFs possuem uma probabilidade maior de um rendimento positivo, devido ao fato da diversificação.

Mas isso claramente diminui bastante o retorno e a oportunidade de grandes ganhos de dinheiro sobre o capital investido.

Portanto, investir em um fundo de fundos faz sentido no momento em que uma parte de seu patrimônio necessita de uma segurança maior, em troca de uma rentabilidade e volatilidade menor, para objetivos como uma viagem, uma reserva de emergência e dentre outros.

Comprar um FOF é acessível para qualquer investidor e não necessita de muito capital. As corretoras disponibilizam a negociação destes ativos. Basta abrir o home broker e digitar o código do fundo desejado. 

Você também pode gostar desses artigos

library_booksTodos os artigosVoltar para o topo