Perfil conservador: quais investimentos são para você?

Investidores conservadores são aqueles que estão dispostos a trocar uma maior rentabilidade por segurança. Seu grande objetivo é manter o patrimônio e operar seu dinheiro com baixo risco. Para isso, existem diversas opções de investimento em renda fixa que são ideais e muito mais rentáveis que a tradicional caderneta de poupança.

Normalmente, o perfil conservador é recomendável para investidores iniciantes no mercado financeiro. Além disso, é ideal para quem deseja montar uma reserva de emergência – que nada mais é do que aquele dinheiro que recorremos diante dos imprevistos, mas que também proporciona segurança para dar passos mais arrojados.

No entanto, é importante destacar que não existe investimento perfeito para todo tipo de pessoa e que você deve diversificar sua carteira com vários tipos de papéis, dentre os conservadores, moderados ou agressivos. Para quem busca isso, é recomendável que os investimentos em renda fixa (conservadores) sejam os primeiros a serem comprados.

Investimentos que contam com o Fundo Garantidor de Créditos (FGC)

Para quem procura segurança, nada mais indicado do que contar com um mecanismo de aporte financeiro caso a instituição que você aplicou seu dinheiro passe por problemas.

O FGC é uma entidade que opera com todas as instituições financeiras (bancos, financeiras, associações de crédito, cooperativas e etc) e diversas suas operações.

Esse fundo assegura um valor de até R$ 250 mil por instituição financeira que passe por problemas (o limite é de 1 milhão por CPF a cada 4 anos).

Dentre as possibilidades de renda fixa que estão seguras por conta desse Fundo são: Certificado de Depósito Bancário (CDB), Letra de Crédito Imobiliário (LCI), Letra de Crédito do Agronegócio (LCA), Letra de Câmbio (LC), Recibo de Depósito Bancário (RDB), Letra Imobiliária (LI), Letra Hipotecária (LH).

Qualquer uma dessas modalidades são consideradas de baixo risco por conta dessa garantia. Ainda assim, é preciso conhecer cada uma delas para que você invista na oportunidade certa para seus objetivos.

Tesouro Direto: o investimento mais seguro do Brasil

O Tesouro Direto é um programa de incentivo à população para promover educação financeira e facilitar o investimento pessoal em títulos públicos.

Ainda que não possua a garantia do FGC, é considerado o mais seguro do país porque seus papéis são emitidos pela instituição economicamente mais segura do brasil: o Tesouro Nacional.

Assim como diversas outras categorias, o Tesouro Direto também possui rentabilidades que podem estar ser prefixadas, pós-fixadas ou híbridas.

Quais investimentos são para o perfil conservador?

 Os melhores investimentos para o investidor conservador são as modalidades de renda fixa. Já mencionamos alguns deles, mas também existem outras possibilidades que são os fundos de investimento que investem em renda fixa. Vamos abaixo enumerar as melhores opções para o perfil conservador:

  • Tesouro Direto: papéis públicos super seguros emitidos pelo Tesouro
  • CDB: empréstimos aos bancos que rendem juros e geralmente atrelados ao CDI
  • RDB: similares aos CDBS, porém mais rentáveis pois são menos conhecidos
  • LCI e LCA: mesmo com índices menores, podem render mais pois são isentos de Imposto de Renda
  • Fundos de investimento em renda fixa: existem fundos que aplicam 80% ou mais dos seus recursos nos melhores tipos de investimentos em renda fixa.

Esse último tipo de investimento pode variar muito de acordo com as instituições que os oferecem. Além disso, é preciso sempre estar atento quanto às taxas de administração cobradas que podem prejudicar de forma direta os rendimentos.

Você também pode gostar desses artigos

library_booksTodos os artigosVoltar para o topo