Quais tipos de dólar existem e como funcionam?

Você sabia que existem diferentes tipos de dólar? Talvez você já tenha ouvido falar do dólar comercial ou turismo, mas o fato é que nós vamos ter outros além deles. Para que você já saiba de antemão, os tipos de dólar são:

  • Dólar comercial
  • Dólar turismo
  • Dólar à vista
  • Dólar futuro
  • Dólar paralelo

Então, fica com a gente para você entender cada um deles!

Por que entender sobre o dólar é importante?

O fato é que essa moeda corrente da economia mais forte do mundo, que é os Estados Unidos, é transacionada em diversos países para diversas finalidades, então qualquer oscilação que o dólar tiver, certamente impactará, direto ou indiretamente, a nossa economia – e por consequência, nossas vidas. 

Imagine que o dólar esteja passando por uma valorização considerável. Se ele está se valorizando, significa que nossa moeda, ou seja, o real, está se desvalorizando.

A cotação do dólar influencia no custo dos commodities, como por exemplo, o trigo. Então essa alta do dólar vai impactar toda uma cadeia, desde a indústria até a sua mesa, porque o custo precisará ser repassado, então talvez você vá de manhã na padaria comprar um pãozinho, e este tenha sofrido um aumento que te deixará bastante incomodado.

Outro ponto é que, com o dólar valorizado, as empresas exportadoras da nossa economia vão exportar os seus produtos, pois afeta positivamente suas receitas. O problema é que, com isso, o preço para nós pode ficar mais caro porque, basicamente, a empresa dirá “ok, você quer comprar, eu te vendo, mas desde que você pague por isso o preço que estou oferecendo ao mercado externo”.

É interessante citar também as reservas internacionais que o Banco Central faz com moeda forte, a fim de assegurar o país ao fazer frente às suas obrigações no exterior e para atuar em nossa economia, diante de uma crise cambial, por exemplo.

Percebe o quanto o dólar é importante?

Agora vamos entender o significado de cada um.

Dólar comercial

O dólar comercial é usado para fins de importação e exportação de mercadorias, e sua cotação é dada pela lei da oferta e demanda, e esse regime de câmbio se chama flutuante, que é o adotado pelo Brasil, assim como a maioria das economias.

Para se chegar a cotação do dólar, o Bacen vai calcular diariamente uma taxa chamada Ptax, que diz respeito à média das transações de compra e venda no mercado. A Ptax é considerada a taxa de câmbio oficial do Brasil, mas ela não deve ser confundida com o preço da moeda que você vai pagar em casas de câmbio, isso porque elas incluem o spread (diferença entre o valor de compra e o valor de venda) e outros custos.

É interessante dizer que é possível que o Banco Central tenha de intervir para equilibrar a oferta e demanda do dólar, e isso é chamado de política cambial flutuante suja, que nada mais é o Banco Central entrar na ponta compradora, caso tenha muita gente ofertando e o preço esteja caindo, ou entrar na ponta vendedora, caso tenha muita gente querendo comprar e o preço esteja subindo demais. E ele faz isso porque há os pontos positivos e negativos do dólar subir ou cair demais.

Dólar turismo

O nome é bastante intuitivo e esse talvez seja o mais conhecido. Se você está planejando uma viagem ao exterior, é ele que você vai considerar.

Se você for à uma casa de câmbio comprar seus dólares para a viagem, seja em papel ou no modo de recarga de cartão, é esse tipo de dólar que ela vai utilizar.

Dólar à vista

O dólar à vista é utilizado entres empresas que estão realizando alguma operação entre elas. A negociação pode ser feita tanto pela B3 (nossa bolsa de valores), quanto pelo mercado de balcão, mas para isso as empresas devem ser habilitadas.

Dólar futuro

A negociação de dólar futuro acontecerá através da bolsa de valores, com o preço previamente definido. Essa negociação se dá por meio de um contrato de compra e venda, acordado pelo preço futuro do dólar. A negociação tem o objetivo de lucrar com as oscilações cambiais.

Dólar paralelo

Esse tipo de dólar não é fiscalizado e nem controlado, ou seja, os agentes que transacionam não têm autorização para atuação legal. Podemos entender como operações clandestinas, então é melhor evitar.

E aí, você conhecia os diferentes tipos de dólar?


Você também pode gostar desses artigos

library_booksTodos os artigosVoltar para o topo