Ações que pagam dividendos: como identificar?

Investir com foco no recebimento de dividendos é uma das estratégias mais buscadas por investidores para a geração de renda passiva e para quem busca formar uma aposentadoria. 

Mas escolher boas empresas pagadoras de dividendos pode não ser uma tarefa tão fácil quanto parece. Para selecionar as melhores empresas pagadoras de dividendos é preciso olhar diversos indicadores. 

Além da análise de indicadores existem estratégias que podem amplificar o recebimento de dividendos ao longo do tempo que também merecem atenção do investidor. Nesse artigo vamos te ensinar as melhores formas de identificar as ações que pagam bons dividendos para você montar uma estratégia segura para o longo prazo.

Análise de Indicadores

A análise de indicadores é uma das melhores formas de identificar as empresas que pagam bons dividendos. Isso ocorre, pois, os indicadores são números que nos permitem inferir informações quanto ao trabalho que vem sendo realizado pela empresa e seus resultados.

O dividend yield é o principal indicador quando nos referimos ao recebimento de dividendos. Esse indicador sinaliza quanto de dividendos foram distribuídos pela empresa em análise no último ano sobre o preço da empresa no momento de aferição.

A partir da análise do dividend yield é possível saber se compensa você adquirir tal ativo tendo em vista o preço da empresa em razão da sua distribuição de dividendos ao longo do último ano.

Todavia, resultados passados não significam resultados futuros. Ao analisar o dividend yield é ideal que seja observada uma série histórica, ou seja, mais de um período.

Tão importante quanto o valor pago em dividendos é a capacidade da empresa de continuar pagando esses dividendos, dessa forma é importante avaliar outros indicadores de saúde da empresa, como lucro líquido, margem líquida, pois quanto maior o lucro maior a probabilidade de distribuição de dividendos.

Maturação da empresa

Empresas boas pagadoras de dividendos geralmente são empresas que já se encontram consolidadas no mercado. Isso ocorre, pois, os dividendos fazem parte do lucro da empresa que resolve pagar os acionistas com essa distribuição como forma de recompensá-los pelo investimento realizado.

Todavia, empresas que ainda se encontram em crescimento preferem que o valor gerado em caixa seja direcionado a investimentos na própria empresa para garantir o desenvolvimento da empresa. Isso não é ruim para o acionista já que visa a garantia de um retorno no futuro, todavia não é o que se espera de uma pagadora de dividendos.

Dessa forma, ao buscar empresas boas pagadoras de dividendos devemos priorizar aquelas que já estão consolidadas em seus mercados, pois as chances de distribuir os lucros são maiores.

Recorrência de pagamentos

Outro fator a ser observado para a escolha de boas ações pagadoras de dividendos é a recorrência de pagamentos dos dividendos. Algumas vezes observamos empresas que ganham a atenção de investidores por distribuir um valor alto de dividendos, porém, deve-se analisar se esse pagamento foi realizado de forma isolada ou recorrente.

Algumas vezes o pagamento de um alto dividendo se deve a uma elevação de caixa que ocorre de forma eventual e não por “mérito” da produção da empresa. 

Dessa forma é bom que o investidor analise como o pagamento de dividendos ocorre, se é recorrente, se houve um aumento em razão de evento específico ou se o aumento é em razão de crescimento de caixa por mérito da empresa.

Encontrar as empresas boas pagadoras de dividendos são essenciais para montar uma estratégia de renda passiva. As características acima são importantíssimas de se observar ao escolher boas empresas pagadoras de dividendos. 

Não deixe de analisar a empresa como um todo antes de alocar na sua carteira e lembre-se que estratégias de dividendos tem foco no longo prazo. Para mais conteúdos sobre ações e investimentos acompanhe nossa seção de artigos.

Você também pode gostar desses artigos

library_booksTodos os artigosVoltar para o topo