É Copa do Mundo! E se os jogadores fossem investimentos? Vem descobrir!

FILTRAR

FILTRAR
Os investimentos em renda fixa (Tesouro Direto, CDB, LCI, etc) costumam ser menos arriscados quando comparados com os investimentos em renda variável (robôs de investimento e crowdfunding). Quer entender melhor a diferença? Clique aqui.
Tesouro Direto é um programa de investimentos em renda fixa do Tesouro Nacional (governo federal). Dá para investir a partir de R$ 30,00! Para saber mais, clique aqui.
O CDB (Certificado de Depósito Bancário) é o queridinho dos investidores. Bom rendimento, baixo risco e muita flexibilidade. Investimentos a partir de R$ 1,00! Para saber mais, clique aqui.
A LCI (Letra de Crédito Imobiliário) é um investimento em renda fixa privada que financia o setor imobiliário. Isento de imposto de renda, traz boa rentabilidade. Para saber mais, clique aqui.
A LCA (Letra de Crédito do Agronegócio) é um investimento em renda fixa privada que financia o setor do agronegócio. Isento de imposto de renda, traz boa rentabilidade. Para saber mais, clique aqui.
LC (Letra de Câmbio) é um produto de renda fixa privada emitido por financeiras. Não tem nenhuma relação com “câmbio” no sentido de “moeda estrangeira”! Para saber mais, clique aqui.
A LF (Letra Financeira) tem um investimento mínimo de R$ 150.000,00 e, por isso, não é muito conhecida. Boa opção para quantias maiores e por mais tempo. Para saber mais, clique aqui.
O RDB (Recibo de Depósito Bancário) é um título de renda fixa privada emitidos por bancos e ou financeiras. Costumam ter uma rentabilidade alta! Para saber mais, clique aqui.
Robôs de investimento são empresas que fazem o serviço de uma gestora. Usam a tecnologia para aplicar o seu dinheiro de forma automatizada. Para saber mais, clique aqui.
Crowdfunding é o chamado financiamento colaborativo, ou seja, pessoas dão dinheiro para financiar algo. Com quantias pequenas, dá para investir em imóveis, startups, entre outros.
Os fundos de investimento não são um produto: são um serviço. Ao invés de você investir em diferentes produtos, é o gestor do fundo que cuidará de suas aplicações. Para saber mais, clique aqui.
Os fundos DI também são chamados de fundos de renda fixa. Isso significa que o gestor do fundo colocará o seu dinheiro em ativos de renda fixa (Tesouro Direto, CDB, RDB, etc).
Fundo multimercado é aquele em que o gestor do fundo pode aplicar o dinheiro do investidor (cotista) em diferentes tipos de mercado: desde renda fixa até ações.
Os fundos de ações são aqueles em que o gestor do fundo só pode colocar o seu dinheiro no mercado de ações da bolsa de valores.

Fidis
0
investimentos disponíveis

Ops!

A gente não encontrou nenhum investimento! Tente mudar alguns filtros (se tiver selecionado algum). Para renda variável, alguns investimentos têm valor mínimo e prazo de vencimento mais longos. Se precisar de ajuda, é só chamar a gente pelo chat ali no canto.