keyboard_arrow_left
Conhece alguém que investe ou quer investir nesta Criptomoeda? Compartilhe!
Preço
R$ 144,14
Valor atual de uma unidade da criptomoeda.
Valor de mercado
R$ 147,4 bilhões
Indica o valor total de mercado, baseado na quantidade da criptomoeda em circulação.
Volume
R$ 11,87 bilhões
Indica o quanto a criptomoeda foi negociada nas últimas 24h.
Histórico de preço

Corretoras

A mesma criptomoeda pode ser adquirida em diversas corretoras.
Escolha a sua empresa preferida e lembre-se de que abrir conta é totalmente gratuito.

O que é Polkatod (DOT)?

A Polkadot (DOT) é mais uma criptomoeda que surgiu como evolução da tecnologia blockchain, criada para conectar diferentes criptoativos. Na verdade, a plataforma se chama Polkadot, cujo token da rede é a DOT.

Apesar de nova no mercado, a DOT já chama a atenção de investidores ao redor do mundo. Inclusive, por causa de sua proposta de interoperabilidade e escalabilidade, muitos a consideram a criptomoeda da próxima geração.

Como nasceu a Polkadot?

A ideia da Polkadot foi concebida por Gavin Wood, um dos fundadores da plataforma Ethereum. Em 2016, Gavin quis desenvolver um projeto ao mesmo tempo escalável e que permitisse mais inovações. Dessa forma, saiu da comunidade Ethereum e passou a trabalhar no sharding, que é um processo de fragmentação de bancos de dados. Ou seja, esse processo permite que, a partir de um banco de dados, sejam criados blocos menores.

Basicamente, o sharding serve para que se possa aumentar o número de transações de criptoativos por segundo. E esse é justamente um dos principais objetivos da Polkadot: fazer com que esse mercado se torne cada vez mais eficiente e acessível a todos os usuários.

Como funciona a plataforma Polkadot

Para entender a plataforma Polkadot, é preciso ter bem claro o conceito de interoperabilidade no mundo das criptomoedas.

Com cada vez mais criptomoedas no mundo, é preciso pensar em sistemas que possam fazer com que esses ativos se comuniquem entre si. Esse é o papel da interoperabilidade entre as plataformas blockchain. Essa comunicação entre os sistemas permite que os usuários acessem e compartilhem informações entre as diferentes plataformas de criptomoedas.

Para exemplificar, podemos pensar em criptomoedas como Bitcoin (BTC) ou Ethereum (ETH), como “ilhas”, pois as suas plataformas não se conectam. Logo, não é possível trocar BTC por ETH, ou fazer um contrato inteligente na plataforma Ethereum utilizando BTC, por exemplo.

Uma das principais características da Polkadot é a criação das chamadas bridges (ou pontes) para a criação de conexões entre outras criptomoedas. É como se ela fosse um platô, no qual todas as outras “ilhas” estão ligadas, o que faz com que diferentes blockchains conversem entre si de forma segura.

Operações em diferentes camadas

Pelo descrito acima, podemos ver que a Polkadot opera em diferentes camadas. A primeira delas é a rede principal, também chamada de Relay Chain (ou rede principal), na qual as transações ficam registradas.

Já as outras camadas são formadas pelos blockchains que se conectam à rede. No momento da conexão, esses blockchains passam a se chamar parachains (ou blockchains paralelos). Esses parachains podem ter aplicabilidades diversas, que vão desde games a finanças descentralizadas.

Sistema de governança

O sistema de governança também é outra característica da Dot Coin. Quem possui a criptomoeda pode participar de votações que visam dar um direcionamento para a rede.

Entre outros aspectos, essas decisões abrangem as taxas praticadas na rede, programações para o acréscimo ou remoção de parachains e atualizações e melhorias na plataforma Polkadot.

Staking

Essa é uma forma de obter renda passiva com criptoativos. Basicamente, fazer um staking significa armazenar criptomoedas por um determinado período e receber uma remuneração por isso.

Algumas criptomoedas permitem o staking, e uma delas é a DOT. Para que possam ter direito a esse benefício, os detentores precisam seguir algumas regras determinadas pela plataforma Polkatod.

Esse sistema é um interessante diferencial competitivo entre as criptomoedas. Inclusive, no final de 2020, a Polkadot foi considerada a rede mais popular para staking, com quase US$ 3 bilhões correspondentes a tokens DOT.

Vale a pena investir na DOT?

Segundo os criadores da criptomoeda, a DOT foi desenvolvida com o objetivo de melhorar a funcionalidade do blockchain, conforme todos os aspectos abordados acima. Ou seja, ela não é um criptoativo para especulação, nas palavras dos próprios desenvolvedores da moeda. Isso é algo que precisa ficar bem claro para o investidor.

Outro ponto importante a considerar é que, embora o projeto seja consistente e esteja evoluindo, esse ecossistema é bastante jovem, pois entrou em operação somente em 2017. Logo, é cedo para saber se, realmente, ele revolucionará o mercado cripto como prometido.

Dito isso, vejamos o resumo das principais características da Polkadot:

- Interoperabilidade: é justamente essa a principal característica da Polkadot. Nesse sentido, tanto os aplicativos construídos na plataforma principal quanto nos blocos paralelos podem interagir com outras blockchains.

- Estrutura flexível de blockchain: os blocos da plataforma são combináveis, o que é mais simples de construir.

- Parachains: esses blocos paralelos permitem que sejam construídas e incorporadas inúmeras novas soluções à rede.

- Velocidade: a maioria das transações são concluídas em menos de um minuto.

- Escalabilidade: atualmente, a rede Polkadot pode processar mais de mil transações por segundo, o que é muito superior a outras redes. E, com a fragmentação das parachains, os seus criadores acreditam que esse número possa superar um trilhão.

Por fim, é importante observar que, mesmo com a declaração de seus criadores sobre a não intenção de especulação, a DOT já figura entre as principais criptomoedas do mercado. Nesse sentido, a sua escalabilidade e a flexibilidade no sentido de agregar novos blocos e inovar em soluções são alguns dos maiores atrativos apontados por quem já investe na criptomoeda.

O que é uma criptomoeda?

Uma criptomoeda é um ativo digital descentralizado, ou seja, que não depende de bancos para que suas transações sejam confirmadas. Dessa forma, elas permitem que qualquer usuário envie e receba pagamentos a qualquer tempo e em qualquer lugar.

Como o próprio nome indica, esses ativos são produzidos e comercializados utilizando criptografia, o que garante o anonimato dos usuários e a segurança das transações.

As criptomoedas são criadas com base na tecnologia blockchain, na qual as transações são realizadas em blocos. Esse sistema é complexo e sofisticado, e consiste, basicamente, em blocos que permitem o envio e o registro de transações realizadas pela internet.

Tudo o que é feito via blockchain pode ser verificado posteriormente, daí a analogia que se faz desses registros a uma espécie de “livro-caixa”. Mas ao contrário dos bancos de dados tradicionais, os registros do blockchain não ficam em um único local. Justamente por causa da característica descentralizada das criptomoedas, a tecnologia blockchain distribui esses registros na rede mundial de computadores.

Outro aspecto que confere segurança a essas transações é o fato de os registros do blockchain não poderem ser modificados. Isso significa que, uma vez inseridos na rede, nem mesmo as partes envolvidas na transação conseguem alterá-los.

Como investir em criptomoedas?

É possível investir em criptomoedas negociando direto com outros investidores (negociação peer to peer). No entanto, esse tipo de transação não dá nenhuma segurança aos envolvidos, pois além de não ser possível identificar a origem dos recursos, não dá para ter certeza de que a negociação se concretizará, ainda mais quando o depósito precisa ser feito de forma antecipada.

Por isso, para investir em criptomoedas, o ideal é abrir conta em uma exchange. As exchanges são corretoras especializadas em criptoativos, que funcionam como uma plataforma digital de intermediação na compra e venda de criptomoedas e tokens. A exemplo das corretoras tradicionais, as exchanges oferecem aos usuários a estrutura ideal para que essas transações possam ser feitas de forma mais fácil e segura.

As exchanges trabalham de diferentes formas, logo nem todas oferecem os mesmos serviços. Nesse sentido, a sua atuação pode abranger a venda direta, o trade, o armazenamento ou os empréstimos em criptomoedas, por exemplo. Por isso, dependendo dos objetivos do investidor, uma ou outra exchange pode ser a mais adequada para operar.

Quanto custa investir?

O valor do investimento em criptomoeda não dependerá do preço da moeda em si, mas da fração que a exchange comercializar.

Por exemplo, na data de hoje (julho de 2021), um bitcoin vale, aproximadamente, R$ 180 mil. No entanto, para investir nessa criptomoeda, não é preciso adquirir uma unidade inteira. O valor mínimo de transações é determinado pela própria exchange que realizará a transação, e isso vale não só para o bitcoin, mas também para qualquer outro criptoativo.

Qual a tributação desse investimento?

As regras tributárias sobre criptoativos ainda são muito recentes no Brasil. Somente em 2021 é que foram criados códigos específicos para declarar criptomoedas e tokens no Imposto de Renda.

Se o investidor possui mais de R$ 5 mil em criptoativos, precisa informar isso na ficha de “Bens e Direitos” do IR. Além disso, se foram realizadas movimentações superiores a R$ 35 mil por mês, eventuais lucros dessas transações estão sujeitos ao imposto sobre ganho de capital, que deve ser pago no mês seguinte ao da venda. A alíquota é de 15% para ganho mensal de até R$ 5 milhões, e aumenta gradativamente conforme o lucro, até o limite de 22,5%.

Como o Yubb ganha dinheiro?

O Yubb é totalmente gratuito e independente: não cobramos nada para buscar milhares de opções para você aplicar melhor seu dinheiro e não somos vinculados a nenhuma empresa de investimento.

Mas precisamos ganhar dinheiro de alguma forma, certo? A única forma que ganhamos dinheiro atualmente é se você clicar em algum dos botões vermelhos "Investir agora meus..." desta página. Assim, a empresa de investimento irá nos remunerar pelo nosso trabalho.

Não se preocupe: para você, não vai mudar absolutamente nada! Todas as características dos investimentos que você vê aqui no Yubb são exatamente as mesmas que você encontraria diretamente na empresa, incluindo a taxa de rentabilidade. Não somos como sites de passagens aéreas que ganham alguma comissão escondida.

Na hora de investir, clique no botão "Investir agora meus...", diga para outras pessoas também clicarem e apoie o nosso trabalho gratuito para ajudarmos cada vez mais pessoas!